sáb., 24 de jul. | Fraternidade Pax Universal

110 ANOS DESCOBERTA CIENTÍFICA DE MACHU PICCHU - com Mestre Peruano K'uychi

Entrar na reunião Zoom https://zoom.us/j/97651328211?pwd=SHF6WXhKUU81czdwYm1ZWnM4UmJTZz09 ID da reunião: 976 5132 8211 Senha de acesso: 110
O registro está fechado
110 ANOS DESCOBERTA CIENTÍFICA DE MACHU PICCHU - com Mestre Peruano K'uychi

Horário e local

24 de jul. 17:00 – 18:00 BRT
Fraternidade Pax Universal

Sobre o evento

A Vivência será ministrada na PLATAFORMA ZOOM. Para aprender a utilizar, visite nosso site - www.pax.org.br/post/_zoom

110 ANOS DESCOBERTA CIENTÍFICA DE MACHU PICCHU - com Mestre Peruano K'uychi 24 jul. 2021 - às 17h00 São Paulo Entrar na reunião Zoom https://zoom.us/j/97651328211?pwd=SHF6WXhKUU81czdwYm1ZWnM4UmJTZz09 ID da reunião: 976 5132 8211 Senha de acesso: 110

Instruções de Uso do Zoom: www.pax.org.br/post/_zoom

24 DE JULHO DE 1911-2021, ANIVERSÁRIO DOS 110 ANOS DA DESCOBERTA CIENTÍFICA DE

MACHU PICCHU.

HOMENAGEM À CIDADE SAGRADA

Há 12 anos encontrei um documento perdido há cerca de 100 anos, deixado pelo arqueólogo, professor de história e filósofo americano Hiram Bimgham, descobridor cientifico de Machu Picchu, que foi assinado com o compromisso de devolver nada mais e nada menos que 42.332 peças que ele e sua equipe do National Geografic Society e Yale University, encontrados durante suas escavações entre 1911 e 1916 realizadas em Machu Picchu e que foram levados com o objetivo de estudo científico para os Estados Unidos, com a promessa de serem devolvidos após 18 meses, mas eles nunca mais retornaram.

A partir de então, tive interesse em descobrir o máximo de informações possíveis sobre o que considero o verdadeiro tesouro de Machu Picchu e suas evidências arqueológicas.

Encomendado pela minha Universidade Nacional de San Antonio Abad del Cusco UNSAAC e pelo Conselho para a Defesa do Patrimônio Natural e Cultural de Cusco CODEPANC, empreendi uma dura luta no nível jurídico e político com a Universidade de Yale, com audiências no Estado de Connecticut ,Cidade de New Haven nos Estados Unidos, entidade que foi depositária de todas as peças nominalmente catalogadas, entre elas, esqueletos, crânios, peças de cerâmica monocromática e policromada, peças líticas, peças de metal, tecidos, ferramentas, caixas pretas de basalto, cristais e jóias da grande valor.

Assim, em 2010 conseguimos realizar o grande sonho de ver as peças de Machu Picchu retornadas, embora apenas 360 peças das 42,332, e agora se encontram no Museu Machu Picchu da Casa Concha de Cusco.

Neste sábado irei mostrar estas e outras peças que não voltaram, entre elas, miniaturas, cálices e vasos cerimoniais, cristais, espelhos, pulseiras, anéis das Sacerdotisas, das Virgens do Sol e dos Mestres Avatar, Magos e Alquimistas de Machu Picchu.

A partir deste testemunho arqueológico científico, e com base num estudo antropológico etnográfico, vou mostrar ao mundo a minha hipótese de OUTRO MACHU PICCHU QUE NINGUÉM SABE.

Machu Picchu como a Cidade Cristal, a Porta Interdimensional do Arco-íris, a Cidade da Paz, a Universidade da Sabedoria, o Santuário Espiritual Mais Poderoso do Mundo, que permite o alinhamento de seus chakras, o despertar de suas memórias cromossômicas, a Cura Kármica e a liberação e ascensão espiritual do I AM = EU SOU.

"Para Machu Picchu, ninguém vem pela primeira vez, todos só voltam, só sua alma conhece essa verdade."

Gratidão, Eu Sou, K´uychi (arco-íris)

O registro está fechado

Compartilhe este evento